terça-feira, 11 de dezembro de 2012

A secretaria fogosa.




Sou dono de uma multinacional; me chamo Henrique e tenho 35 anos de idade, todos dizem que não aparento a idade que tenho, que estou em forma e que sou muito atraente, sou casado, há mais ou menos 12 anos; no principio adorava transar com a minha mulher, ela é morena, chama atenção por onde passa, porém depois de tantos anos casado, o sexo já não é, mas bom, e já não tenho mais vontade de transar com ela.
O que acontece é que nos últimos meses ninguém para na vaga de secretaria pessoal; não encontrava ninguém que se adapte a vaga.
Certo dia, depois de tanto procurar, acabei encontrando uma moça que realmente tinha um currículo sensacional, e se encaixava certamente para ser a minha secretaria pessoal, acabei contratando-a.
No principio ela se saia muito bem, mas eu não tinha tanto contato com ela, pois, não estava indo tanto a empresa como eu gostaria, porém os comentários que chegavam ao meu ouvido a respeito dela sempre foram os melhores, até que, certo dia, chegou ao meu ouvido um comentário de que ela era muito gostosa, e até então eu não tinha reparado nela, no sentido de mulher; mas a curiosidade bateu em mim e no dia seguinte fui para empresa, para reparar nela.
Logo pela manhã, a cumprimentei e reparei que os seus olhos eram claros, cabelo loiro até a cintura; seios grandes e fartos, um corpo espetacular e bumbum todo empinado, ela realmente era a mulher dos meus sonhos, precisava sentir aquela mulher, e comecei a jogar indiretas para ela, toda vez que ela me via dava sorrisos e começava a se abrir toda.
Então decidi parti para ação, convidei-a para sair, e ela aceitou logo de cara, liguei para a minha esposa e disse que precisava ficar ate mais tarde no serviço, pois iria ter uma reunião muito importante, ela acreditou e disse que também não ficaria em casa, concordei, e parti para o motel com a Rebeca.
Aquela secretaria era simplesmente fogosa demais, logo que entramos no carro, ela começou a me falar:

- Sabe chefinho, sempre te achei um cara muito atraente, e estava louca para ter essa chance de sair com você, pra te mostrar tudo o que eu tenho a lhe oferecer.

Eu fiquei louco com ela chegando cada vez mais perto, e comecei a beijá-la, o farol estava fechado, e ela já me acariciava, abriu o botão da minha calça, tirou meu pau pra fora, e passava suas mãos suavemente na cabecinha dele. O farol abriu, e ela apenas me acariciava, chegando cada vez mais perto com aqueles lábios carnudos que ela tinha, um batom vermelho, fazia aquela boca mais gostosa ainda.
Depois de uns 10 minutos, chegamos ao motel, queria que ela tivesse uma noite inesquecível e eu também, afinal, necessitava de uma perfeita noite de sexo com uma mulher muito gostosa.
Logo que entramos no quarto, comecei a beijá-la, fechei a porta e já fui arrancando toda a roupa dela, joguei ela na cama, e já fui em cima dela; fui percorrendo as minhas mãos pelo corpo dela, até chegar em sua bocetinha, e logo pude perceber que ela estava toda molhada, estava encharcadinha, aquela boceta era maravilhosa, e sem ter feito nada, já estava me deixando louco, fui descendo com os meus lábios pelo corpo dela, passando por seus seios grandes e fui mordendo aqueles bicos rosados, que estava saltados de tesão, desci para a sua barriga e senti ela toda arrepiada, ela me olhava com desejo, então desci ate a sua boceta.
Que delicia, estava toda molhada e a cada vez que eu passava minha língua eu a sentia se contorcendo de prazer, ela tinha um gemido tímido, mas vi em seus olhos o prazer que ela estava sentindo apenas com meu sexo oral, continuei chupando aquela bocetinha deliciosa ate que ela gozasse na minha boca, não demorou muito, e ela começou a gozar se contorcendo toda, os gemidos dela estavam mais altos e mais profundos, sua respiração já estava ofegante, e ela já não conseguia mais se segurar, foi quando ela gritou:

- Estou louca para sentir seu pau dentro de mim, quero te chupar loucamente.

Puxou-me pelos cabelos, e me empurrou para a cama, sentou nas minhas pernas, e começou a passar aquela boca vermelha pelo meu corpo, ate chegar no meu pau, quando chegou, me chupou de uma forma que eu jamais tinha sido chupado, aquela boca era maravilhosa, tudo o que ela fazia me deixava subindo pelas paredes, e tudo o que eu mais queria naquele momento era sentir aquela bocetinha, toda molhadinha, aquele gozo escorrendo por todo o meu pau; ela me olhava fundo dos olhos, enquanto me chupava; eu gemia e ela delirava com cada gemido meu, me chupava, babava, passava a língua, mas não demorou muito, daquele jeito mesmo, ela subiu em cima de mim, e começou a cavalgar, ela pulava como uma louca, gemia, gritava e mandava eu meter cada vez mais forte, e eu a atendi, mandei ela ficar “d4” pra mim, e ela me atendeu rapidamente, empinou ainda mais aquele traseiro gostoso, quando comecei a meter em sua bocetinha, ela pedia cada vez mais e mais, foi quando ela disse

- Me come gostoso, chefinho, come meu cuzinho, come!

Neste ponto eu já não pensava em mais nada, e comi aquele cuzinho maravilhoso, ela gritava, para que eu a comesse ainda mais forte e que eu metesse todo o meu pau em seu cuzinho, e eu estava delirando de prazer, já não agüentava mais segurar; disse a ela que estava preste a gozar, ela então, saiu daquela posição; ajoelhou-se na minha frente e gemendo disse:

- Solta essa porra todinha em mim

Então depois desse pedido e com aquela secretaria maravilhosa me olhando e pedindo, gozei, gozei em sua cara e ela pedia mais, conforme ia gozando, ela ia se lambuzando e ria demais, aquela safada, me deixou louco em apenas uma noite.
No final da noite, fomos tomar banho juntos, entramos na hidromassagem, e ela me olhava com cara de desejo, e um pouco depois, nós transamos ali mesmo.
Ela é simplesmente maravilhosa, uma empregadinha sensacional.

Depois deste dia, nós saímos umas 3 vezes na semana, e minha mulher não desconfia de nada, afinal, o meu casamento continua a mesma coisa, sem sexo.
Já aquela secretaria gostosa me deixa louco, só de imaginar aquela bocetinha molhada, fico alucinado.
De vez em quando, ela vem fazer hora extra na minha sala, e metemos ali mesmo.
Impossível não querer comer essa secretaria.

Um comentário:

  1. como eu queria q esse pau gostoso me comesce tnbm....

    ResponderExcluir